Venha conhecer
nosso blog!
esteja sempre antenado com todas
as novas estratégias do mercado

Saiba o que é e como funciona a distribuição de mercadorias nas operações logísticas

A distribuição de mercadorias é uma etapa fundamental das operações logísticas de uma empresa. Em virtude que, este processo refere-se a entrega dos mais diversos produtos aos clientes ou pontos de venda finais. Por isso, torna-se necessário a adoção de estratégias essenciais para que esses produtos cheguem em perfeitas condições, no local certo e no prazo estabelecido, isto é, a fim de que tudo ocorra adequadamente sem que haja atrasos e prejuízos. 

Neste contexto, para que possamos saber mais sobre este assunto, a seguir, explicaremos o que é e como funciona a distribuição de mercadorias nas operações logísticas. Confira:

Afinal, o que é a distribuição de mercadorias?

Quando falamos em distribuição de mercadorias nas operações logística, trata-se do processo de movimentação e entrega de produtos desde o ponto de origem até o ponto de destino final. Dessa forma, entende-se que essa é uma etapa fundamental na cadeia de suprimentos e na logística, o qual tem como objetivo assegurar que os produtos cheguem aos clientes de forma segura e eficaz. 

E como funciona esse processo?

Geralmente, o processo de distribuição de mercadorias nas operações logísticas, é realizado de acordo com alguns aspectos importantes, tais como:

Coleta de Mercadorias:

Inicialmente é feita a coleta das mercadorias em um centro de distribuição, armazém ou local de produção. Onde basicamente, essas mercadorias são preparadas para envio, o que pode incluir embalagem, etiquetagem e verificação de qualidade.

Roteirização:

Após a coleta, é preciso definir as rotas de entrega mais eficientes. A partir disso, é avaliado o modal mais adequado, a seleção dos veículos apropriados e a otimização das rotas, a fim de minimizar os custos de transporte e garantir o cumprimento dos prazos de entrega.

Transporte:

As mercadorias são então transportadas do local de origem para o destino final. Como existe uma variedade de modais de transporte, isso pode ocorrer tanto por caminhões, como trens, navios ou aeronaves, dependendo da distância e do tipo de carga.

Armazenamento:

De modo geral, em alguns casos, as mercadorias podem passar por armazenamento em centros de distribuição regionais antes de serem entregues aos clientes. Logo, em razão disso, é possível reduzir o tempo de trânsito e otimizar a distribuição.

Entrega:

As mercadorias são finalmente entregues aos clientes ou aos pontos de venda finais. Exemplo disso, são as entregas direta aos consumidores, atacadistas ou varejistas, dependendo da cadeia de suprimentos.

Rastreamento:

Durante todo o processo de distribuição, é primordial o rastreamento das mercadorias em tempo real para garantir sua segurança e bem como o cumprimento dos prazos de entrega. Sendo assim, esse tipo de rastreamento é normalmente feito por meio de sistemas que utilizam a tecnologia conhecida como GPS.

Devoluções e Logística Reversa:

Em caso de devoluções, especialmente por defeitos com as mercadorias, é necessário um sistema eficiente de logística reversa para receber, processar e, se possível, recondicionar ou reciclar os produtos devolvidos.

Gestão de Estoque:

É importante ressaltar que a distribuição de mercadorias também está intimamente ligada à gestão de estoque. Isso porque, visa manter um equilíbrio entre o estoque disponível e a demanda com intuito evitar excesso ou falta de mercadorias.

Tecnologia e Automatização:

A maioria das transportadoras atualmente utilizam sistemas de gestão de armazém (WMS), sistemas de gerenciamento de transporte (TMS), além de outras tecnologias avançadas, como IoT e IA, para otimizar esse processo e toda operação logística.

Monitoramento e Melhoria Contínua:

Percebe-se que a distribuição de mercadorias é uma área onde a eficiência é imprescindível. Por essa razão, as empresas monitoram constantemente seus processos e buscam maneiras de melhorá-los para reduzir custos, aprimorar o serviço ao cliente e diminuir os impactos ambientais.

Portanto, a distribuição de mercadorias nas operações logísticas é um processo complexo, uma vez que envolve todas as etapas de movimentação dos produtos do ponto de origem ao ponto do destino final. Além disso, sua finalidade envolve garantir que os produtos cheguem aos clientes de maneira eficiente, sendo então, crucial para a satisfação dos clientes e sucesso das empresas.

Dúvidas?
Entre em contato conosco